MENU

CONTACTO

SEARCH

PROJECTOS

_

EM CURSO

TODOS

SOBRE CA

_

ATELIER

EQUIPA

CA DENTRO

_

LOJA

SEARCH

MORADA

_

ca@carvalhoaraujo.com

Largo de Santa Cruz, 506, 1 Andar 

4700-322, Braga Portugal
253 283 580

PRESS

_

dc@carvalhoaraujo.com


- Publicar algum projeto ou assunto sobre o atelier.
- Obter informações sobre os projetos para fins académicos, ou organizar visitas de estudo.
- Solicitar a participação do atelier em conferências ou outro tipo de eventos.

PROJETOS

_

jca@carvalhoaraujo.com

- Saber o que fazemos e como trabalhamos.
- Como encomendar um projeto.
- Propor alguma parceria ou investimento.

CANDIDATURAS

_

jobs@carvalhoaraujo.com

- Envio de candidaturas para estágios, emprego e colaborações.

SEARCH

Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image

RESIDENCIAL

ESTADO

Projeto
Banco Popular
Rio Tinto, Portugal

RESIDENCIAL

Estado

Projeto

A proposta é um programa para um edifício alternativo, no terreno da antiga Fábrica Silva & Sistelo em Rio Tinto, onde se opta por um conceito que não limite, a priori, a opção do investidor mas abra o leque das suas opções e motivações sobre uma ideia de projeto única em função das suas necessidades. 

Procuramos investigar um modelo que acrescesse programas inesperados como o uso parcial de habitação. Esta proposta pode ser um edifício de propriedade única, propriedade horizontal ou um loteamento sem que haja a necessidade de rever implantações, movimentações de terreno, infraestruturas básicas, viárias, estacionamentos e áreas verdes. 

A tipologia de flexibilidade de usos compatíveis tem sido amplamente considerada pelos modos de vida contemporâneos e a proposta foca o exercício das tipologias variadas e aposta na ideia de Loft – Habitações industriais.
 

Testamos o modelo apresentado num cenário de habitação/ serviços divididos por parcelas, onde fica garantido que cada utilizador pode usufruir da sua habitação e do seu próprio negócio. Cada parcela reserva as áreas públicas/ privadas e relaciona-se de forma diferente com as frentes de rua e com a praça interior. As questões regulamentares estão salvaguardadas e a força da ideia reside no facto de as domesticarem integrando o conjunto urbano na envolvente. Garante-se o destaque e a visibilidade de todas as frentes de rua/ envolvente e reserva-se o sistema de circulações viárias para o interior da proposta.

Esta proposta de edifício alternativo é uma interpretação das necessidades da contemporaneidade que alia forma, função e identidade.

CARVALHO ARAÚJO